Todas as mulheres, desde o nascimento, têm aproximadamente um milhão de óvulos (ou oócitos), esta quantidade deve ser a necessária para que o espermatozoide possa fertilizar pelo menos um deles, conseguindo assim uma gravidez bem sucedida. No entanto, com o passar dos anos, esses ovos não fertilizados irão se dissipar gradualmente; um resultado natural em qualquer mulher aqui contamos tudo o que você precisa saber sobre como congelar seus óvulos.

No momento da primeira menstruação, aproximadamente 400.000 oócitos permanecerão nas mulheres e, no curso de perdas consecutivas, aos 35 anos pode haver um número limitado de 25.000 oócitos. Já o restante dos oócitos entrou em atresia folicular (decomposição dos folículos ovarianos).

À medida que a idade da mulher avança e a consulta da maternidade é adiada, as chances de engravidar começam a diminuir. Essa preocu

congelación de óvulos

pação geralmente começa a partir dos 33 anos, pois há muitos estudos que indicam a existência de uma mudança abrupto em todas as mulheres, com idade igual ou superior a 35 anos. Essa mudança consiste no fato de os oócitos perderem quantidade e qualidade valiosas, de modo que mais de 80% da capacidade natural da mulher de gestar e os próprios ovos podem ser perdidos.

Por isso, são muitas as mulheres que se informam sobre as soluções neste cenário, que lhes permitem continuar sem preocupações nem pressa o sonho de engravidar. Se você já frequenta um centro médico especializado e os resultados são positivos, ou seja, não há complicações atuais para uma gravidez, então a melhor opção e solução para este aspecto é definitivamente congelar seus óvulos, para evitar qualquer impedimento no futuro.

Qual é o tratamento para congelar meus ovos?

O congelamento dos óvulos ou criopreservação, tem por objetivo armazenar óvulos em idade produtiva e conveniente, para que os mesmos extraídos atualmente, sejam utilizados no futuro para se conseguir uma fecundação bem sucedida.

A qualidade deste tratamento é inegável e recomendada, pois a qualidade de um óvulo congelado antes dos 32 anos não é a mesma de um óvulo natural aos 38 ou 40 anos, sendo o óvulo congelado o melhor remédio para este problema.

Não existe idade mínima para realizar este processo de criopreservação, o ideal é que a mulher congele seus óvulos antes dos 30 anos, por outro lado, levando em consideração que a idade menos recomendada dos casos seria após os 35 anos, porque a eficácia é inferior. Você p

óvulos congelados

ode considerar este método de assistência reprodutiva se tiver algum destes cenários:

  • Existe alguma desordem
  • Anemia falciforme
  • Doenças autoimunes
  • Gênero e diversidade sexual
  • Doenças que podem afetar a capacidade de gravidez, como câncer (quimioterapia e radiação)
  • Cirurgias ou tratamentos de câncer
  • Processos de fertilização in vitro
  • Velhice sem intenção de ter filhos no momento.

Levando em consideração esses fatores, você poderá dirigir-se ao centro médico especializado para fazer a solicitação deste tratamento, onde lhe darão conselhos e informações detalhadas sobre tudo o que envolve essa metodologia de reprodução assistida.

As mulheres que congelam seus óvulos devem verificar e assinar alguns documentos que especificam a finalidade desses óvulos congelados, e também devem estar cientes do controle sobre eles.

O método de congelamento dos óvulos não é individual, mas sim extraídos em coortes, por isso, a mulher deve se submeter previamente ao tratamento de estimulação hormonal, que permite a obtenção de ovócitos maduros, de forma muito mais viável.

O processo de congelamento dos ovos, hoje em dia é mais eficiente, consiste no método de vitrificação, que é muito mais eficaz e menos abrasivo, desta forma, os oócitos podem ser congelados sem formação de gelo. Esse processo permite que os ovos permaneçam congelados indefinidamente sem que o passar dos anos afete sua qualidade de forma alguma.

Cuidados e procedimentos especiais?

Nesse processo, não há cuidados particulares, apenas para diminuir as atividades físicas intensas, um estilo de vida saudável e uma alimentação balanceada também é recomendado e esperado do pacien

te. O processo é totalmente semelhante ao da fertilização in vitro, prescrever à paciente estimulação ovariana por aproximadamente duas semanas, com controles semanais e exames de sangue. Em seguida, procedemos com um tratamento indolor, que inclui uma anestesia geral, chamada punção, que permite que os óvulos sejam obtidos com cuidado, no preciso momento da extração, procedem à sua vitrificação.

Esses óvulos congelados são usados para conceber um filho biológico, seja com o sêmen do casal ou de um doador de esperma anônimo ou conhecido. Caso a mulher tenha dificuldades para carregar a gravidez do bebê, deve haver um exame que ateste ou comprove, para que o centro de saúde reprodutiva possa orientá-la sobre o processo de maternidade gestacional.

Este é um processo que resulta da fertilização de seus ovos descongelados. Deste grupo, espera-se obter pelo menos um par de embriões de qualidade, que serão transferidos para outra mulher, responsável pela gestação do filho.

En CELAGEM estamos listos para cumplir tu sueño

Somos especialistas en resolver problemas de fertilidad, fecundación In vitro o reproducción asistida. Queremos enseñarte algunos de nuestros tratamientos que tienen su primera cita totalmente gratis.

AGENDA GRATIS

DIAGNÓSTICO ONLINE